sábado, 14 de fevereiro de 2009

_Faz hoje 2 anos..._

...que fiz Porto-Funchal, de emergência, pela incerteza da Vida da minha mãe... A viagem de regresso estava marcada para dia 16 de Fevereiro de 2007, mas eis que o estado de saúde da minha mãe piora e o meu pai telefona-me a dizer: "Joana, a mamã não está a respirar muito bem, vai ser melhor vires hoje...pois não sabemos se ela aguenta até sexta feira...". Perante tais palavras, o meu coração por momentos parecia que sufocava, os meus pensamentos afogavam-se num misto de sentimentos, pois não sabia ao certo o que pensar. Ao mesmo tempo que tomava as palavras do meu pai como muito sérias, ao mesmo tempo...as apagava com a minha esperança, de que tudo iria melhorar.
Fui depressa para casa, de forma a fazer a mala, e posteriormente dirigir-me ao aeroporto. Todo o tempo de espera até que chegasse o momento de chegar à Madeira, parecia eterno.
Se a memória não me falha, assim que cheguei à Madeira fui ver a minha mãe... O seu estado de saúde, não era de facto o melhor... Estava internada, com respiração assistida, muito debilitada...etc...
Os dias seguintes, passei-os no hospital. Foi desesperante ver o que a minha mãe sofreu dia a dia, cada vez mais. Foi agoniante, olhar-lhe nos olhos...e ler que naquele olhar cheio de ternura, estava o medo por perder a Vida, o sofrimento pela doença...a ansiedade pela incerteza do segundo seguinte...
Poucos dias se seguiram, e dia 22, às 3:55 da manhã...é o fatídico momento em que ela nos deixa, depois de ter passado ainda por alguns momentos de luta pela Vida...
Tudo parece ainda, tão nítido na minha mente...Adoro-te Mãe!
Resta acrescentar, que a foto e sua edição é da minha autoria.

2 comentários:

Licas disse...

Joaninha

São realmente muito dolorosos estes momentos, mas sabes que tens um anjo no céu a zelar pela tua felicidade e alegria. Sobretudo acreditas que a tua MÃE te quer ver a sorrir.
Faz-lhe a vontade...
Sorri e deixa que ela permaneça em paz junto a Deus.

Fica bem pequenina, com todos aqueles que nesta terra zelam por ti e te querem ajudar a dar o grande salto para a resignação.
Beijinhos
Licas

borboleta isa disse...

ÉS UMA GRANDE LUTADORA LINDA

ADOR.TE*